Diarreia em Leitões na Sala de Parto – Causas da Doença

26 março 2019

Pode haver muitas razões para o aparecimento de diarreia nos leitões. Desde o mau estado do leite, passando por condições desadequadas do espaço, até causas naturais. Frequentemente a ocorrência de diarreia numa ninhada está associada a todas as causas acima mencionadas ou a uma correlação entre as mesmas.

A causa mais comum da ocorrência de diarreia nos leitões é a colibacilose:

• Geralmente ocorre entre o primeiro e o quarto ou quinto dia após o parto;
• A doença é caracterizada por uma alta mortalidade, levando a uma forte desidratação dos leitões;
• Dá-se uma inflamação intestinal;
• Pode acontecer que se restrinja a alguns animais, mas normalmente espalha-se rapidamente por toda a ninhada.
• A diarreia é geralmente de cor amarelada, aquosa e com um cheiro forte e característico.

Prevenção:

• Manter uma boa higiene e um microclima adequado;
• Fornecer aos leitões uma quantidade adequada de colostro;
• Vacinação contra a colibacilose, sendo duas vezes para as porcas jovens, geralmente a primeira vacina 6 a 8 semanas e a segunda 3 a 4 semanas antes do parto, e uma vez para as porcas adultas, 3 a 4 semanas antes do parto;
• Em alguns casos conseguem-se bons resultados infectando as porcas prenhas com bactérias encontradas nas fezes dos leitões doentes;
• Recomenda-se usar um dos muitos desinfectantes de qualidade disponíveis no mercado, espalhando-o na cama dos leitões.

Tópicos relacionados: